quinta-feira, 16 de Janeiro de 2014

E estamos prontos para o chá!

 


Por cá, os dias têm estado frescos, por vezes com alguma chuva. As noites refrescam ainda mais.
O clima quase tropical desta ilha deu lugar a dias assim, de inverno. É bem mais ameno do que em certas partes do nosso país mas, ainda assim, inverno.
E é em dias (e noites) assim que mais me apetece uma bela chávena de chá. Adoro chá! E adoro acompanhá-lo com um bolinho ou umas bolachinhas, de preferência caseiros. Como os que hoje vos apresento e que saíram do meu forno no passado fim de semana e têm sido comidos ao pequeno-almoço, ao lanche ou ao serão, com uma chávena de leite, café ou chá.

Bolo de iogurte com coco

Ingredientes:
300 grs de farinha com fermento
150 grs de margarina derretida
250 grs de açúcar
2 iogurtes de morango
4 ovos inteiros batidos
1 colher (chá) de fermento em pó
1 pitada de sal
1 colher (chá) de mistura Flower Power
3 colheres (sopa) de coco ralado
1 colher (chá) de essência de baunilha

Preparação:
Bater a margarina com o açúcar até formar um creme esbranquiçado.
Juntar os iogurtes e a essência de baunilha e bater mais um pouco, misturando bem.
Alternadamente, adicionar os ovos batidos e a farinha misturada com o sal, o fermento em pó e a mistura Flower Power e bater.
Por fim, juntar o coco ralado e envolver bem.
Levar a cozer em forno moderado (180ºC), em forma untada e polvilhada com farinha.


Bolachas de manteiga e coco

Ingredientes:
125 grs de margarina derretida
220 grs de açúcar
1 colher (chá) de essência de baunilha
1 ovo
300 grs de farinha com fermento
80 grs de coco ralado
1 colher (chá) de mistura Flower Power

Preparação:
Bater o açúcar com a margarina derretida.
Juntar a essência de baunilha e o ovo e bater mais um pouco.
Acrescentar, aos poucos, a farinha misturada com a mistura Flower Power.
Juntar o coco ralado, misturar bem até ficar tudo bem envolvido e uma massa moldável.
Num tabuleiro forrado com papel vegetal, coloque pequenas bolas de massa, afastadas umas das outras e, com a ajuda de um garfo, pressione ligeiramente em cada uma, achatando-as um pouco.
Leve a cozer em forno pré-aquecido a 180ºC.
Para conferir a cozedura, basta que espete um palito no centro da bolacha; se sair seco e limpo, estão prontas.

Bom apetite!

terça-feira, 14 de Janeiro de 2014

Tarde de domingo com chuva...

 
 
O passado domingo amanheceu chuvoso por aqui e assim se manteve durante todo o dia. Esteve fresco, com chuva, algum vento e até nevoeiro tivemos.
Dia ideal para ficar em casa e passar a tarde sentados no sofá, com uma mantinha sobre as pernas, a ver filmes (eu e a filhota, no computador, que o marido, a partir das 16 horas, teve de ver o Glorioso!!) e a comer pipocas!
 
E aqui está o "Antes do filme"...



o "Durante o filme"...

 
 
e o "No final do filme"!!


 
As pipocas foram feitas em casa e aqui deixo a receita que costumo seguir:
 
Ingredientes:
óleo
milho para pipocas
açúcar ou sal fino
 
Preparação:
Cobrir o fundo de um tacho com óleo, polvilhar com açúcar ou sal a gosto, deitar milho até cobrir também o fundo do tacho, numa única camada, tapar o tacho (muito importante! Eu conheço quem tenha tentado fazer sem tapar o tacho!!) e levar a lume brando, agitando o tacho de vez em quando, até todos os grãos de milho terem estalado (e o barulho típico das pipocas a estalar ter terminado).
Verter as pipocas cuidadosamente para um recipiente e, se quiser, polvilhar com mais um pouco de açúcar ou sal (mas pouco!).
 
Bom apetite!
 
 

segunda-feira, 13 de Janeiro de 2014

Caril de frango

 

A receita que trago hoje foi-me sugerida pelo meu chefe de secção, que é rapaz para apreciar boa comidinha e até gosta de fazer uns quantos petiscos.
Eu fiz algumas pequenas alterações à receita original (indico-as entre parênteses) mas, mesmo assim, resultou ser uma maneira deliciosa e diferente de preparar o caril de frango e que cá em casa foi bastante apreciada. Uma receita a repetir mais vezes, sem dúvida!
Obrigada, Sancho!
 
Ingredientes:
1,2 kg de frango em pedaços (eu usei 2 peitos cortados em cubos)
1 dl de azeite
1 cebola
3 dentes de alho
3 tomates pelados (eu usei 1/2 lata de tomate pelado em pedaços, com um pouco do líquido)
1 dl de vinho branco (eu usei cerveja)
1 raminho de salsa
1 colher (sopa) de caril em pó
1 lata de leite de coco (usei uma pequena)
2 malaguetas secas (não usei, mas ao azeite juntei um pouquinho de azeite aromatizado com malaguetas)
sal e pimenta q.b.
1 manga (não usei, mas para a próxima vou experimentar!)
 
Preparação:
Tempere o frango de sal e pimenta.
Aqueça o azeite e core a carne.
Adicione a cebola, os alhos e os tomates, todos picados, e refogue um pouco.
Adicione o vinho (cerveja, no meu caso), acrescente a salsa e polvilhe com o caril. Deixe cozinhar mais um pouco.
Verta o leite de coco e as malaguetas (se usar) e deixe cozinhar, em lume brando, durante cerca de 15 minutos, mexendo espaçadamente.
Se usar a manga, descasque-a e corte-a em cubos. Cerca de 5 minutos antes do final da cozedura, junte-a ao preparado no tacho.
Acompanhe com arroz branco ou massa cozida.
 
Bom apetite e uma excelente semana para todos!
 

sexta-feira, 10 de Janeiro de 2014

Gambas al ajillo com bacon


 
Este é um petisco ou entrada muito recorrente cá por casa. Por vezes, acompanhado de uns patés, tostinhas ou fatias de pão torrado e um belo vinho branco ou verde bem fresquinho, seguidos de um gelado como sobremesa, acaba mesmo por ser o jantar de um sábado descontraído.
 
Ingredientes que usei:
camarão cozido
bacon em cubos
dentes de alho picados finamente (a quantidade depende do gosto de cada um - eu costumo usar uns 6 ou 7)
azeite aromatizado com malaguetas (ou normal)
sal q.b.
 
Preparação:
Descasquei o camarão e reservei.
Levei ao lume o wok com azeite e deixei aquecer.
Juntei o alho e, quando começou a estalar, acrescentei o bacon e deixei fritar um pouco.
Acrescentei o camarão, temperei com um pouco de sal e deixei fritar até o camarão mudar de cor e criar um pouco de molho.
Servi de imediato.
 
Bom apetite!


quinta-feira, 9 de Janeiro de 2014

Medalhões de pescada com bacon na frigideira

 
 
Mais uma receita inspirada numa partilhada pela nossa amiga Joana Roque, aqui, e que resultou num jantar que agradou a toda a família cá em casa (leia-se "eu, filhota e maridão"!).
Uma maneira diferente e muito saborosa de preparar os tão versáteis medalhões de pescada.
 
Ingredientes:
1 embalagem de medalhões de pescada
1 dente de alho picado + 1 dente de alho descascado e esmagado com um faca
orégãos secos q.b.
sal e pimenta q.b.
sumo de meio limão
vinho branco q.b.
leite q.b.
bacon em fatias finas
1 fio de azeite
 
Preparação:
Depois de descongelar os medalhões de pescada, temperei-os com sal, pimenta, orégãos, vinho branco, leite, o alho picado e o sumo de limão. Deixei marinar durante cerca de 1 hora.
Escorri muito bem os medalhões e sequei-os com a ajuda de papel de cozinha absorvente.
A idéia seria enrolar cada medalhão numa fatia de bacon, mas como já tinha gasto parte da minha embalagem de bacon já não deu para cortar fatias suficientemente compridas para enrolar. Assim, coloquei cerca de meia fatia de bacon por cima e por baixo de cada medalhão e prendi com um palito. Resultou muito bem.
Levei uma frigideira com um fiozinho de azeite e o alho esmagado a aquecer e fritei os medalhões (e uns bocadinhos de bacon que ainda tinham sobrado) de ambos os lados, até o bacon ficar bem douradinho.
Servi com puré de batata e cenoura regado com o azeite que ficou na frigideira (com sabor a alho, bacon e pescada).
 
Bom apetite!
 
 

quarta-feira, 8 de Janeiro de 2014

Salada de tomate cherry e pepino com nozes

 
 
Apesar do tempo mais frio, salada é coisa que me sabe sempre bem. Por vezes, é até o acompanhamento que melhor me sabe com certas coisas.
Foi o caso desta refeição em que tinha grelhado peixe (mais propriamente douradas) para o jantar. O meu marido preferiu umas batatas cozidas, mas a mim apeteceu-me uma salada e foi esta que preparei.
 
Ingredientes:
Tomates cherry
1 pepino pequeno
nozes picadas grosseiramente
salsa picada
azeite
flor de sal
vinagre balsâmico
 
Preparação:
Numa taça, colocar os tomates cortados ao meio, o pepino cortado em pequenos cubos e as nozes.
Salpicar com a salsa e temperar de sal, azeite e vinagre.
Envolver tudo e deliciar-se.
 
Bom apetite!
 
 


terça-feira, 7 de Janeiro de 2014

Arroz de bacalhau com grão

 
 
A receita que hoje vos trago foi preparada em dois dias diferentes; não porque seja de difícil ou trabalhosa confeção, mas porque foi o resultado final de um estufado de bacalhau preparado com antecedência, num dia em que tinha demolhado bacalhau que comprara no dia anterior e me preparava para o acondicionar no congelador em porções para futuras utilizações. Uma dessas porções foi precisamente o estufado que utilizei para preparar este arroz.
A ideia veio do livro "O que faço hoje para o jantar?", da nossa querida Joana Roque.
 
Ingredientes:
2 postas de bacalhau demolhado, limpo de peles e espinhas e em lascas
1 cebola, cortada em meias-luas finas
2 dentes de alho picados
1 folha de louro
1lata (pequena) de grão de bico cozido
azeite q.b.
sal e pimenta q.b.
arroz
 
Preparação:
Comecemos pelo refogado. Levei um tacho ao lume com azeite, a folha de louro, o alho e a cebola e deixei refogar até a cebola começar a ficar translúcida.
Adicionei as lascas de bacalhau, temperei com pimenta (e sal, se necessário) e deixei estufar, até o bacalhau estar cozinhado.
Nesta altura, deixei arrefecer e o estufado acabou no congelador.
 
Uns dias mais tarde, foi a vez do arroz.
Depois de descongelar o refogado, coloquei-o num tacho, juntei duas medidas de água e deixei levantar fervura.
Retifiquei de sal e pimenta, acrescentei ao tacho uma medida de arroz e o grão cozido, mexi e deixei cozinhar, com o tacho tapado, até o líquido ter evaporado e o arroz estar no ponto.
Servi de imediato.
 
Bom apetite!